Acompanhe nossa postagens no Google

terça-feira, 5 de abril de 2011

Diácono da Assembléia de Deus é assassinado em Palmas

O Assasinato que chocou a cidade Palmas tem sido noticia nos principais site do estado.
no http://www.jornaldamissão.blogspot.com/ de noticia Gospel afirma o rapaz era empregado do Hotel Vitória, Diácono da Assembléia de Deus Everaldo Araújo, foi morto na noite de sexta-feira em uma das pizzarias mais freqüentadas de Palmas, enquanto se divertia com a namorada. Já havia pago a conta, ia se levantar para ir embora e foi surpreendido, de forma fatal.

Os policiais, dizendo-se em perseguição a suspeitos de assalto mandaram aço pra tudo que é lado numa das principais avenidas de Palmas na noite de sexta. Tiro sem alvo certo, mas que tirou a vida do Diácono Everaldo com dois projéteis na Pizzaria Paço do Pão.

Ja no site http://www.portact.com.br/ do jornalista Cleber Tolêdo, tem várias matérias onde fala do caso.
Com várias afirmações que vale a pena ressaltar.
  • PM anuncia afastamento das ruas de 20 policiais. A Polícia Militar do Tocantins (PM), anunciou que os policiais que participaram da diligência que resultou na morte de Everaldo Morais de Araújo, 35 anos, foram afastados nesta segunda-feira, 4, das atividades nas ruas da Capital. De acordo com a PM, o afastamento dos policiais foi para evitar que “se envolvam novamente em uma situação daquela natureza, por isso serão preservados”.
    Além desta justificativa para o afastamento dos supostos envolvidos, a PM disse ainda que era também para eles fiquem disponíveis para apuração do inquérito militar que deve ser concluído em 40 dias. Os nomes dos cerca de 20 policiais faziam parte da diligência não foram divulgados.
  • Armas
    As armas dos policiais e dos assaltantes foram apreendidas e se encontram na perícia técnica, para o exame de identificação. Com o exame será identificado com precisão de qual revólver partiram os tiros que mataram Araújo. O laudo conclusivo deve ser conhecido em dez dias.
  • OAB levantará circunstâncias da morte de Everaldo. O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Seccional do Tocantins, Ercílio Bezerra, disse na tarde desta segunda-feira, 4, que ficou decidido na reunião com o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Ordem, Deocleciano Gomes Filho, que será realizado um lavamento sobre o crime que culminou na morte de Everaldo Morais de Araújo, 35 anos, na sexta-feira, 1º.
  • Execução
    Bezerra, manifestou nesta segunda-feira “estranheza” sobre o crime que culminou na morte de Everaldo. “Eu não consigo conceber alguém morto com duas balas perdidas. Bala perdida, já diz, é bala perdida. Não são balas perdidas. Este rapaz foi executado”, enfatizou o presidente, acrescentando: “Nunca se teve notícias que alguém foi morto com duas balas perdidas, acredito, sim, em execução”.
No site da Roberta Tum http://www.robertatum.com.br/
  • Assembléia Legislativa do Tocantins fez moção de pesar pela morte de Everaldo
  • Comandante admite que ação poderia ter sido diferente no Caso Everaldo: militares entregaram armas e aguardam resultado da perícia


Diante de tudo isso temos que lamentar o fato e chorar como os que choram,mas também exigir das autoridades as devidas punições aos culpados após as devidas provas apresentadas pela péricia e o inquerito policia.