Acompanhe nossa postagens no Google

terça-feira, 2 de abril de 2013

Casal evangélico da igreja Batista de Palmas falece em acidente

Casal marcou dezenas de igrejas do Brasil
pelo testemunho de vida e de serviço ao Senho

Raimunda Carvalho
Da Redação
O casal Helcias Brígido Lajes de Oliveira, 63 anos, e Maria José Ribeiro de Oliveira, 62 anos, que morreu em acidente de trânsito nesse sábado, 30, na rodovia TO-010, no Km 40 de Palmas para Lajeado, participava de vários projetos sociais da Segunda Igreja Batista de Palmas (Sibapa).
Foram envolvidos na tragédia: uma Pickup Fiat Strada, cor cinza, placas MXG-2057, Miranorte (TO); um Fiat Uno, cor prata, placas MXB-8984, Palmas (TO); e uma moto Honda CBX, cor amarela, placas MWR-1962, Palmas (TO). O casal que estava no Uno deixou três filhos.


De acordo com o pastor Orbásio Bastos de Almeida, o casal estava engajado em vários projetos sociais do Lar Batista. “Em Luzimangues, por exemplo, há uma casa que acolhe crianças em situação de abandono, órfãs e situação de risco. Anualmente as igrejas batistas e a comunidades promovem uma festa onde são vendidas comidas para angariar recursos para manutenção do Lar”, contou o pastor.
Outro mutirão social em que o casal participava, segundo o pastor, acontecia em uma comunidade carente localizada em Rio Preto (TO), no município de Lagoa do Tocantins. “Eles levavam roupas, médicos, dentistas, enfermeiros, fisioterapeutas, entre outros profissionais, para atender na comunidade”, ressaltou Almeida, lembrando, que o casal marcou dezenas de igrejas do Brasil pelo testemunho de vida e de serviço ao Senhor.
De acordo com o pastor, há outro projeto que Oliveira denominava de Robin Hood. “Ele buscava nas casas roupas e alimentos para distribuir para pessoas carentes. Ele era um membro missionário. Helcias e Maria José eram membros fundadores da Sibapa”, disse.
O pastor lembrou que no dia do acidente, o casal estava indo de Palmas a Lajeado e Tocantínia para divulgar uma festa do Lar Batista.

Fonte: Jornal da Missão