Acompanhe nossa postagens no Google

quarta-feira, 22 de junho de 2011

Cristão pode participar de festa junina?


Todo ano nesta época do ano novos e antigos convertidos passam a se questionar a esse respeito, principalmente porque nas escolas, ocorre uma agitação para as festividades das festas juninas. Dai vem a pergunta: Cristão pode ou não participar das festas juninas?





O texto que Paulo escreve aos Coríntios nos dá uma bela reflexão sobre esse tema veja:
I Coríntios 8
8 – Ora a comida não nos faz agradáveis a Deus, porque, se comemos, nada temos de mais e, se não comemos, nada nos falta.
9 – Mas vede que essa liberdade não seja de alguma maneira escândalo para os fracos.
10 – Porque, se alguém te vir a ti, que tens ciência, sentado à mesa no templo dos ídolos, não será a consciência do que é fraco induzida a comer das coisas sacrificadas aos ídolos?
11 – E pela tua ciência perecerá o irmão fraco, pelo qual Cristo morreu.
12 – Ora, pecando assim contra os irmãos, e ferindo a sua fraca consciência, pecais contra Cristo.
13 – Por isso, se a comida escandalizar a meu irmão, nunca mais comerei carne, para que meu irmão não se escandalize.
Conclusão:
De fato o comer pipoca e canjica, o dançar quadrilha, e demais atividades da festa não é nada, pois os santos que a Igreja católica adora durante estas festividades, não ressuscitaram, portanto estão dormindo assim como os demais falecidos.
Porém é certo que quem participa de uma festa a um santo, está comumente participando da adoração a esse santo, e para não sermos confundidos com seus adoradores, é prudente que o crente se abstenha completamente desta festa e suas atividades.
Para as mães que sofrem com a pressão de seus filhos que não entendem ainda as consequências da rebeldia a palavra de Deus, eis a palavra de Deus:
Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele. Provérbios 22:6
Porque a rebelião é como o pecado de feitiçaria, e o porfiar é como iniqüidade e idolatria. Porquanto tu rejeitaste a palavra do SENHOR, ele também te rejeitou a ti, para que não sejas rei. I Samuel 15:23
Quando seu filho crescer e compreender a palavra de Deus, sentirá orgulho pelo zelo de seus pais. Afinal de contas, enquanto o filho não tem condição de decidir por sí os pais é quem deve instruí-los.
Autor: Pr. Julio Fonseca
Fonte: Ida Gospel