Acompanhe nossa postagens no Google

terça-feira, 12 de março de 2013

Jair Bolsonaro comemora a eleição de Feliciano na presidência da CDHM


deputado-jair-bolsonaro-1_652x408O parlamentar fez denúncias sobre o uso da comissão para defender apenas leis ligadas ao movimento LGBT
O deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) gravou um vídeo para mostrar que está de acordo com a eleição do deputadoMarco Feliciano (PSC-SP) como presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, mostrando pela declaração de outros participantes da comissão que nos últimos anos ela era usada apenas para tratar sobre leis em favor da comunidade LGBT.
O vídeo começa com uma frase do ex-presidente da comissão, o deputado petista Domingos Dutra que dizia “essa comissão é da comunidade gay, da comunidade homossexual, é a comunidade das lésbicas e das prostitutas”. Essas palavras foram ditas no dia da eleição e Dutra acabou se retirando da sessão.
Ao ter a oportunidade de falar e dar seu voto, Bolsonaro, conhecido por ter propostas conservadoras em favor da família, comemorou e denunciou o gasto de dinheiro público com ativismo gay.
“Esta comissão aqui eu sempre considerei como acidente de capital, porque sem família não há nação”, disse.
“Nós não assistiremos mais aqui seminários LGBT infantil com pessoas estimulando crianças de 5 ou 6 anos a fazer sexo com crianças do mesmo sexo”.
Fonte: Jornal da Missão